sábado, 1 de dezembro de 2007

chez moi

finalmente me mudei de vez, de mala e cuia como diz o gaúcho (tá, ainda tem uns mijados lá na minha mãe).

que drama é instalar ou consertar qqer coisa nesta cidade, neste país. para blá blá aperte 1, para blibli aperte 2. bom dia, vou estar transferindo sua ligação. vamos estar entrando em contato com a senhora. vamos estar mentindo descaradamente e assassinando o vernáculo enquanto gravamos esta conversa para sua segurança.

eu sou um poço escuro e fundo de paciência. e tenho que confiar desconfiando, todo contrato é uma armadilha. o brasil é mesmo um país de desonestos e para contornar isto te enfiam esta desonestidade mor que é o contrato de fidelidade.

mas tudo bem, este post é feliz, é de enfim sós, cheguei, é meu, a louça na pia é lavada qd eu quiser, e tenho dito. estava morando 1/2 no meu ap 1/2 na casa da minha mãe, mas agora com internet me mudei total.

chez moi.


só agora essa expressão francesa me faz sentido.

=^.^=



4 comentários:

scliar disse...

Penduricalhos se espalham... Sempre fica uns resíduos: ainda tem coisas minhas na casa de minha mãe! E, claro, agora coisas da Bi e da Van aqui na minha casa... Vão ficando os rastros entrelaçados, até darem voltas no planeta. Tudo de bom no apê! Ethel

Klubert disse...

OI Ju
Parabens!! Que este seu novo lar seja sinonimo de alegria, superaçao, amor pra vcs dois!!! To com saudade....mande um sinal de fumaça, please!!!
Beijo bem grande!! Denise

Bibi Move Scliar disse...

que baita!
Parabéns Pulguita morar sola é super buena onda!
bravo!
b.

Ana Corina disse...

Juuuu, parabéns amiga! Olha, vais ver q é um caminho sem volta, é bom demais! Que lindo o prédio! Não vais combinar comigo pra eu ir lá, cabeça? Estou mudando de trampo e agora a minha vida de tempo livre acaba! Mas podemos combinar e eu te pego no centro qdo estiveres por aqui e te levo em casa, que tal? Beijooo